Pela beleza, pelo amor e pelo mais o que não sei

Não costumo fazer isso – copiar posts que escrevi para outros veículos, até porque minha criativadade e minha escrita me são amigas. Mas o amor, ultimamente, não se apresenta tão amistoso e, assim sendo, a criativade e a escrita são convidadas em segundo plano. Estou do Avesso, já disse isto (logo aí embaixo) e não escondo.

Sim, tenho algumas fotos com a câmera nova. E sim, são bem bonitas, afinal meu coração também o é. E sem medo de falar porque quem tem o coração belo não encontra motivos para se envergonhar.

Uma hora tudo se parte e o nascimento se faz inevitável. Até lá, sejamos belos:

(post escrito originalmente para o blog da Triton)

“A roupa existe para proteger, esconder e enfeitar. É vestida sobre os corpos humanos para combater o frio (por isso precisa ser resistente), para estar a serviço do pudor e também da ornamentação. E é duradoura, por mais que a moda insista em dar-lhe sobrevida de 6 meses.

Já o papel é perecível, frágil, quase imediato. Absolutamente vulnerável à água e a cortes, desfaz-se ao menor esforço. Não serve, portanto, como vestimenta. Pelo menos para o uso prático e cotidiano dela. Mas enquanto mensagem, é bem mais forte que muito tecido por aí.

Jum Nakao apresentou sua costura do invisível nas passarelas da São Paulo Fashion Week em junho de 2004. Foi seu último desfile enquanto marca. Último, definitivo e histórico. Após vestirem modelos elaboradíssimos feitos todos em papel, as modelos entraram ao final da apresentação e, postas às câmeras, começaram a rasgar toda aquela beleza, todo aquele minucioso trabalho de 6 meses, que deixava de existir em menos de 30 segundos. Todo mundo que viu se emocionou e entendeu. O recado estava dado e Jum poderia, enfim, se retirar, tendo cumprido o que se propôs – (re)afirmar que tudo na vida é, realmente, efêmero e que a beleza subsiste em si e não no objeto que a carrega, afinal não é porque as roupas (e o momento) não existem mais que elas deixaram de ser belas no imaginário de quem teve o prazer de as contemplar.

jum_nakao_papel_amb

Um pouco menos dramático e filosófico veio karl Lagerfeld no desfile de alta-costura primavera 2009 pela Chanel. Com chapéus de papel confeccionados por Katsuyo Kamo, Lafgerfeld não se rebela mas (e)leva à cabeça a fragilidade de nossas paixões e nossas certezas, pois o papel é tão incerto para a roupa como o amor é para os homens (quem foi que disse, alíás, que chapéus e amor precisam ser eternos?).

chapeu_papel_chanel_amb

Pra aprender e levar pra vida toda: a beleza não está, em absoluto, na eternidade. Ela está em si, assim como eu e você.

Sejamos belos, então!”

Amigos, família e leitores queridos, vocês são belos até do avesso (prometo que respondo todos os coments pendentes até amanhã. Porque até lá, certeza, já vou estar bem melhor).

🙂


4 Respostas to “Pela beleza, pelo amor e pelo mais o que não sei”

  1. Márcia Mesquita Says:

    sim, e se cerque de coisas belas, ouça música! ouça paulinho da viola!!! Ele me ajudou muito nas arguras do ano passado ehuaehuhaeuae
    Leia essas músicas que eu coloquei nesse post: http://bainha-de-fitacrepe.blogspot.com/2008/12/no-moda-samba-mas-o-blog-meu.html

    a-ni-me-se!

    beijocas

  2. Jaque Says:

    “Invejinha básica de vc com sua nova máquina digital…”

    Enfim, achei o máximo a abordagem do Nakao, me lembrou a campanha de dispersão de beleza de O boticário.

    Beijo grande e espero que fique bem.

  3. alda Says:

    Lembro que fiquei muito impressionada c/ esse desfile, acho que foi um tapa na cara em muita gente, uma lição de desapego! PS.: Tati querida espero que tenha melhorado bjuuuuus

  4. Cristina Uetake Says:

    Oi Tati, passa um tempo… mas sempre gosto de dar uma passadinha aqui.
    Mais um belo post! Esse desfile de Jum Nakao foi único… e revolucionário!
    PS: espero que vc esteja bem e melhor!
    Bjuuuuuuuuuuuuuus

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: