auto-clipping: tati rodrigues para chomchom

Bom gente, uma das vantagens de se ter um blog é poder fazer auto-clipping gratuitamente. Quando ela é de fino trato então…

A Aline Mori, querida do blog Chomchom, me convidou para participar de uma sessão chamada “Como eu me visto”. Para isso, bastava que eu escrevesse um texto (livre, sem formatos ou fórmulas, perfeito pra esta verborrágica aqui) explicando o processo do ‘me vestir’ com algumas fotinhos que pudesssem ilustrar o texto em descrição. Duzentos anos depois do convite, finalmente me dignei a corresponder miss Mori à altura. E a coisa toda ficou assim:

………………………………………………………………………………………………….

(do Chomchom)

chomchom

A Tati é uma fofa, com muito estilo e capaz de fazer construções linguísticas maravilhosas. Conheci ela num encontrinho bem no começo desse fenômeno/mania. E depois fomos nos encontrando por aí…

É do tipo que chama a atenção pela estatura, pelo cabelón loiro e, principalmente, pelos fashion statements que figura. Está sempre linda e com um “quê” de inteligente. Não uma inteligente geek, mas uma inteligente de moda – que se conhece, que sabe se expressar, que conhece os mistérios do “estilismo”, que se diverte, e que usa tudo ao seu favor.

O texto em que ela explica como se veste está aí embaixo e é um encanto (claro!). A escrita é uma das cartas mais impressionantes que ela tem na manga e que faz do blog “Avesso do Espelho” tão bacana!!

(abre aspas:)

Então, lá no começo do meu ‘eu’ sabendo o que era ser ‘eu’, vestir-me não tinha muito a ver com moda. Era uma das formas de exteriorizar alguma coisa que dentro de mim gritava pra sair. Assim como escrever, passear de bicicleta em estradinhas de terra (sou uma caipirinha do interior, onde até bem pouco tempo atrás charretes dividiam espaço com os carros. Saudades das charretes…), ou andar ouvindo walkman e imaginando que minha vida era um eterno clip passando na MTV.

Pois é, desse tempo aí pra hoje aqui vão uns 15 anos (tô encostando nos 28). A bicicleta na estrada de terra continua nos finais de semana em que volto pra visitar meus pais, a MTV já chegou a tocar pagode, a escrita me é pra sempre e o vestir-me, bem, esse deu um upgrade com minha aquisição profissional de graduação em moda. Continuo encobrindo o despir com a vontade adolescente de manifestar alguma coisa pro mundo num grito visual, mas agora com muito mais identidade e personalidade. Não só pela minha profissão, mas principalmente pelo fato do ‘eu’ saber, cada vez mais, ser ele mesmo à medida que o tempo vai passando.

tati_para_chomchom_800

Visto as cores de acordo com minha vontade do dia de enfrentar o mundo e embora ande numa fase mais colorida, branco, preto e vermelho reinam em meu guarda-roupa. Das miniblusas da adolescência noventa passei ao camisetões de malha podrinha; às calças semibaggys se sobrepuseram as leggings usadas com meias coloridas; o tênis continua presente e mais 90’s do que tudo e as calças jeans, sei lá porque, deram lugar às saias usadas com as tais camisetas podres, com as leggings e as meias coloridas, com os tênis e, porque não, com os saltos, geralmente grossos e pesados. Tudo bem anos 2000 vindo diretamente dos mais variados brechós, porque assim eu gosto, porque assim fica mais paradoxo e porque assim é mais barato.

Acessórios à parte (AMO!), faço meus próprios colares (quando tenho tempo ou vergonha-na-cara) e vira-e-mexe tô enfiando alguma coisa na cabeça.

De resto, e antes de tudo, junto com a moda veio uma penca de gente que me faz rir e, fazendo assim, deixa meus dias mais coloridos sem que para isso eu precise de uma peça de roupa neon (ou Neon, rs).

E é disso que, basicamente, eu tento me (re)vestir. Diariamente.

(fecha aspas.)

………………………………………………………………………………………………….

Tá, como uma perfeita auto-promotora narcísica, transcrevi o post da Aline na íntegra. Isso não implica que você, leitor querido deste Avesso, não vá até compreendê-lo dentro do contexto para o qual ele foi criado.

E ó, brigada Aline e brigada a todo mundo que está aqui até hoje.

🙂

Tags: , , , ,

5 Respostas to “auto-clipping: tati rodrigues para chomchom”

  1. Jaque Says:

    Uau! Gostei da ideia, bem interessante mesmo.
    E o bom de tudo é que a gente fica te conhecendo um pouco melhor por aquilo que você sabe fazer.
    Show de bola🙂

  2. Márcia Mesquita Says:

    JURO que nao te reconheci de cabelo curto, achei que fossem fotos de referência hahahahahahahahahahha!
    beijocas

  3. Maria Ester Says:

    Então tb vou repetir aqui, meu comentário de lá.
    A Tati é maravilhosa e única, no vestir e no écrire.
    Beijão.

  4. alda Says:

    arrazou amiga tá linda! Tem estilo p/ dar e vender rs bjao

  5. Alê Cardinal Says:

    Assino em baixo sem medo….. kkkkk….
    querida linda bem resolvida bem vestida
    minha amiga linda muitos beijos sempre!

    alê

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: